Vítimas da tragédia na boate Pulse são homenageadas em Orlando

0
208

Nesta terça-feira (12), dezenas de pessoas em Orlando (FL), foram até o memorial em homenagem às vítimas da tragédia na boate Pulse, onde ocorreu um dos maiores massacres com arma de fogo dos Estados Unidos. A área ficou repleta de mensagens. O governador da Flórida, Rick Scott, e a primeira-dama, Ann Scott, também visitaram o memorial hoje, exatamente dois anos depois da tragédia. Foi na noite do dia 12 de junho de 2016 que Omar Mateen entrou na boate armado com um fuzil e uma pistola automática, onde ocorria uma festa latina. Ele abriu fogo contra a plateia, deixando pelo menos 49 mortos e mais de 50 feridos.

De acordo com a agência de notícias Reuters, na capital americana, Washington, ativistas se deitaram no gramado em frente ao Capitólio em homenagem às vítimas da Pulse. Ontem (11), os sobreviventes da tragédia se uniram aos estudantes da escola de ensino médio de Parkland (FL), onde aconteceu este ano mais um massacre, para se manifestar sobre a necessidade do controle de armas nos Estados Unidos.