Donald Trump desiste de separar famílias imigrantes

0
245

O presidente Donald Trump assinou nesta quarta-feira (20), uma ordem executiva para evitar a separação de famílias de imigrantes que cruzarem a fronteira com o México. Isso significa que as famílias que entrarem ilegalmente nos Estados Unidas serão detidas juntas. Trump disse o seguinte sobre a medida que adotou hoje: “Considero que é uma ordem executiva muito importante. É sobre manter as famílias unidas e, ao mesmo tempo, ter certeza de que temos uma fronteira muito forte”.

Trump desistiu de separar os imigrantes da mesma família depois de sofrer forte pressão de líderes religiosos, políticos e internacionais. É que em cinco semanas, mais de 2.300 menores de idade foram separados de seus parentes. Ao serem separadas dos pais, as crianças eram levadas sob custódia do governo americano para abrigos. A imprensa internacional divulgou várias imagens mostrando essas crianças dormindo no chão com cobertores de alumínio. Fato que ocasionou uma repercussão negativa até chegar à medida adotada nesta quarta-feira.

Mas apesar de ter assinado a ordem que suspende a separação das famílias imigrantes, o presidente americano disse que vai manter a política de “tolerância zero” para quem for pego tentado entrar ilegalmente nos Estados Unidos pela fronteira com o México.