Com nova ordem de prisão, ex-presidente Michel Temer se entrega à PF

0
103

O ex-presidente Michel Temer  se entregou, na tarde desta quinta-feira (09), à Polícia Federal em São Paulo para cumprir prisão depois da revogação do habeas corpus que o mantinha livre.

Michel Temer é acusado de chefiar uma organização criminosa que teria negociado R$ 1,8 bilhão em propina nas obras da usina nuclear de Angra 3. Ele foi denunciado pelo Ministério Público pelos crimes de corrupção, peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Pela determinação do desembargador Abel Fernandes Gomes, do Tribunal Regional Federal da 2ª região, Temer deve ficar preso em São Paulo.

A defesa do ex-presidente protocolou um novo pedido de habeas corpus e aguarda julgamento do Superior Tribunal de Justiça.