Ano Novo Chinês 2023: ano do coelho

0
376

O Ano Novo Chinês, também conhecido como Ano Novo Lunar, começa na data em que, no leste da Ásia, ocorre a segunda lua nova após o solstício de inverno, de acordo com a revista norte-americana Farmer’s Almanac.

Em 2023, ele corresponde ao ano 4721 do calendário chinês. A celebração começa no dia 22 de janeiro.

Ano do Coelho

O zodíaco chinês é composto por animais em um ciclo que se repete a cada doze anos. Cada ano é representado por um animal diferente e, de acordo com o calendário do zodíaco publicado pela revista China Today, o coelho é o animal indicado para 2023.

Segundo o zodíaco chinês, as pessoas nascidas no ano do coelho “gostam de estar perto de gente amorosa, acolhedora e agradável”. São pessoas sentimentais, superficiais e bem-sucedidas nos negócios, acrescenta a revista. O animal oposto ao coelho é o galo.

De acordo com a publicação, o coelho é o representante das pessoas nascidas em 1951, 1963, 1975, 1987, 1999, 2011, 2023 e, sucessivamente, a cada doze anos. O tigre foi o animal de 2022, enquanto o dragão representará o Ano Novo Chinês de 2024.

Tu Yuanyuan, o mascote do Ano Novo Chinês

O Governo da China divulgou o rosto do mascote oficial da celebração, chamado Tu Yuanyuan. Sua imagem, de acordo com o canal de TV China Global Television Network (CGTN), representa a beleza do zodíaco chinês tradicional.

Tu Yuanyuan, representado pelo coelho branco tradicional da China, é o primeiro mascote de propriedade intelectual gerado por meio de análise de big data, segundo a CGTN. Sua estética é feita sob a técnica de pintura chinesa chamada Gongbi.

O que é comemorado durante o Ano Novo Lunar

Unidade, prosperidade e esperança são os três pilares que simbolizam a festa mais tradicional do povo chinês, de acordo com o site oficial do Governo Nacional da China.

A intenção do Ano Novo chinês, de acordo com essa fonte, é a de “acolher a felicidade que vem com boa sorte, demolir o velho e trazer o novo, e rezar por uma boa colheita” durante todo o ano. (com informações National Geographic)