0
202

Dúvida e esperança

Complicado quando se começa a ter a dúvida se o certo que você está fazendo é o correto ou se somente você acha isso. Estaríamos sendo contaminados pelas incertezas que o Brasil está vivendo, onde quase todos os candidatos a algum cargo respondem processo criminal. Onde governadores estão presos e um dos pretensos candidatos está preso. O que me choca, é o fato de um candidato preso ter a chance de se candidatar. O que deveria acontecer é ele provar a inocência, ser solto e só aí se candidatar.

Isso me enche de dúvidas porque extrapolou essa realidade para o dia a dia de nossa sociedade imigrante, onde pessoas na urgência de dar certo passam a ser ou fazer, atropelam o processo e as relações passando por cima de tudo, infringindo a lei, traindo e enganando. E um golpe que no Brasil seria absorvido,  aqui gera um trauma familiar e social enorme, fazendo em alguns casos o sonho imigrante acabar. Mas esse desabafo não é por uma razão ou por alguém, mas por centenas de casos que vejo acontecer, casos em que um trabalha para o outro na esperança de dias melhores e se vê na rua da amargura, sem salário e sem cotas. Sem história. Isso me causa a dúvida se seríamos assim por contaminação ou por natureza.

Por outro lado, temos ações lindas que comprovam que podemos mudar essa couraça que nos reveste. O Brazilian Day Orlando, sucesso de público e de participantes, uma festa linda que me enche de esperança de que num futuro próximo, todos os dias serão como o domingo do BDO ou, então,  que podemos ter semanas como a do Focus Brazil Orlando, onde mostramos a nossa civilidade. Eventos que demonstram que a decisão de imigrar vai fazer com que nossos filhos e netos tenham outra forma de ver o outro. Eu sei que existe uma coisa em comum nesses dois eventos socioculturais e que vai muito além do que a ‘bahianisse’ de seus organizadores Paulo Corrêa e Carlos Borges. Eu entendo que são os muitos anos de América que fazem a gente mudar, a realmente ver o mundo com outros olhos e essa é a minha esperança.

A Facebrasil 84 está repleta de assuntos que deixam nossa vida mais feliz e nos faz acreditar que o Brasil, nossa terra mãe, um dia terá solução e que nossas futuras gerações terão orgulho de dizer: “eu sou brasileiro”.

Tudo de bom e boa leitura !

A Festa Continua